Esse site é sobre atitude. Sobre você tomar uma atitude.

Esse não é um site sobre carbono. Ou meio ambiente. Ou aquecimento global e emissões de poluentes. Nem mesmo sobre o aumento do nível do mar.

Por que eu?

Porque a grande mudança que todo mundo espera (ou você não gostaria que o mundo fosse diferente?) só vai acontecer se você também fizer a sua parte.

Mas nem tudo está perdido. Dá pra reverter essa situação. Como?

Tem coisas até que você já sabe. Ou não? Economizar energia, não desperdiçar água, usar transporte público ou bicicletas, tudo isso ajuda. Só que algumas coisas não têm como a gente evitar. Não dá pra simplesmente parar todas as indústrias ou impedir as pessoas de consumir (apesar de a gente saber que é preciso consumir de um jeito diferente, né?).

E você também é responsável por parte disso, sim.

Com atitudes. Das mais ousadas até as mais modestas, todas fazem diferença e provocam grandes mudanças. O crédito de carbono é uma delas, já ouviu falar? Ok, ok. Calma que a gente explica. Pra você ter uma ideia, só em 2010, mais de 49 bilhões de toneladas de dióxido de carbono foram jogados na atmosfera¹, o que agrava o efeito estufa e contribui para o aquecimento do nosso planeta.

¹IPCC, 2014. Dióxido de carbono equivalentes.

Eu, responsável? Duvido.

Claro que é.
Você anda de carro, viaja de avião, compra roupas e alimentos de fábricas que emitem carbono.

Afinal, o que é o crédito de carbono? Pra que ele serve?

1 crédito de carbono = 1 tonelada de CO₂. Os créditos de carbono ou Redução Certificada de Emissões (RCE) são certificados emitidos pela ONU para atestar a redução de emissões que causam o efeito estufa. Comprar um crédito é o mesmo que comprar “redução de emissões”, isto é, reconhecer e estimular tecnologias e práticas mais limpas para o bem do planeta.

Então isso quer dizer que os países mais ricos têm direito de poluir à vontade?

Não. O direito de poluir é limitado. Cada país tem uma meta de redução de emissões, e os créditos de carbono podem ser usados para cumprir parte de metas de acordos internacionais, como o Protocolo de Quioto.

Tá. Mas onde eu entro nisso?

Além de repensar o seu consumo, você também pode comprar créditos e compensar as suas emissões para incentivar ações de combate ao aquecimento global.

E isso não é só para empresas?

Não, não. Pessoas físicas também podem comprar créditos de carbono. Essa possibilidade surgiu sem obrigação de nenhum decreto ou protocolo. É um movimento de conscientização individual pela redução do aquecimento global para mostrar que pessoas comuns também podem fazer a diferença e não precisam só esperar por ações de empresas e governos.

Mas isso tudo tem um custo?

Sim, existe um custo, mas nada muito caro. Então isso piora tudo, não? Não, isso significa que mais gente pode ter oportunidade de compensar seu impacto de maneira acessível. Se todos tiverem consciência de que a poluição tem um custo para o planeta, fica mais fácil estimular a redução das emissões. E a gente está aqui para ajudar.

Só depende de cada um.

Foi por isso tudo que a iniciativa P4C - People for Climate foi criada. Para mostrar pra você e pro máximo de pessoas possível que, sim, dá pra fazer alguma coisa. Para permitir que cada um possa compensar suas emissões de carbono e ainda incentivar boas práticas de combate ao aquecimento global em diferentes formas no nosso dia a dia. Dá pra começar a fazer alguma coisa logo.

E você, vai ficar do lado dos
que só reclamam ou do lado dos
que vão fazer a diferença?

quero fazer parte

Quero fazer parte.

Em breve, você vai poder comprar aqui alguns produtos desenvolvidos exclusivamente para você compensar as suas emissões e reduzir o seu impacto. Enquanto isso, calcule aqui e descubra quanto é a sua emissão.

Consumo de Energia Elétrica

Consumo Mensal de Gás

Consumo Mensal de Combustível

Viagens Aéreas por Ano




Todo brasileiro começa devendo esta quantidade por causa do desmatamento da Amazônia
10
0 Resultado da calculadora
0 Total de toneladas de co2 por ano / créditos de carbono.
0 Número de árvores que você deve plantar por ano

Idealizadores

A Plantar Carbon desenvolveu a primeira iniciativa brasileira de reduções de emissões de gases de efeito estufa e geração de créditos de carbono, no âmbito do MDL (Mecanismo de Desenvolvimento Limpo do Protocolo de Quioto). Com mais de 15 anos de experiência em atividades inovadoras, a empresa presta consultoria, tanto em elaboração de estratégias, quanto em políticas na área de mudança do clima e sustentabilidade, para diversas organizações.

Com um dos mais relevantes acervos de arte contemporânea do mundo e uma coleção botânica que reúne espécies raras e de todos os continentes, o Inhotim é um destino singular no mundo. Seus acervos são mobilizados para o desenvolvimento de atividades educativas e sociais para públicos de todas as idades. E graças à sua atuação multidisciplinar, o Inhotim se consolida a cada dia como um agente propulsor do desenvolvimento humano sustentável.

Fale Conosco

?
Coloque a sua url do Facebook aqui. Ex.: fb.com/seunome
?
Insira o seu usuário. Ex.: @seunome